sexta-feira, 19 de setembro de 2008

ENTREVISTA COM DOMINGOS SÁVIO


Aos 44 anos, ele estreia na política como candidato a vice-prefeito de Petrolina na chapa encabeçada pelo também estreante Júlio Lóssio (PMDB).  Tem chances de vitória e de virada contra o deputado federal Gonzaga Patriota (PSB-PE), apoiado pelo presidente Lula (PT) e pelo governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB).   Ao longo da entrevista, porém, Domingos se desculpa e explica que a rispidez inicial é porque sempre perguntam sobre o parentesco dele com a musa do axé baiano. "Tenho vida própria. Trabalho no SEBRAE há 25 anos", retrucou ele, que é formado em Administração de Empresas e pós-graduado em Relações Internacionais pela PUC-RJ. "Ser candidato a vice não tem nada a ver por ser primo de Ivete. Eu acho que sou a primeira pessoa da família dela que entra na política. É um gesto muito nobre entrar na política. Isso agrega para ela, por eu ser o único da família. Agora o axé-music não me agrega em nada".    Apesar do (mau) jeito para lidar com o parentesco, Domingos Sávio conta que "ama Ivete como uma irmã", foi criado junto com a prima famosa e que eles nasceram na mesma maternidade. Também revela que ele mesmo contou à cantora sobre sua candidatura. "Ivete está toda orgulhosa. E só", encurta o assunto, assegurando que Ivete Sangalo não contribuiu em nada para a campanha dele.
 
iG - Domingos, como está sendo a sua estreia na política?
DOMINGOS SÁVIO – Ótima. Nossa candidatura está crescendo. A prefeitura de Petrolina tem oito anos nas mãos de um mesmo grupo, precisa mudar, senão dá fadiga de material. As pessoas têm entendido nossa mensagem e o sentido de mudança é muito forte. O anseio da novidade é grande. Há uma sede de ter novos atores no cenário político. Júlio Lóssio também é estreante, nunca foi candidato. Ele é médico atuante. É de Manaus, mas já está há 16 anos em Petrolina. Eu nasci em Juazeiro (BA), minha família toda é daqui.
  
iGO senhor é primo da cantora Ivete Sangalo...
DOMINGOS – (interrompendo a pergunta...) Minha filha, não sou primo de Ivete. Ela é que é minha prima. Eu nasci primeiro. A entrevista é sobre isso é? Não gosto desse assunto. Se eu soubesse que era sobre isso eu não teria aceitado a entrevista. 
  
iG – Não gosta de dizer que tem Ivete como prima? 
DOMINGOS – O problema não é esse. Não sou candidato a vice porque sou primo dela. É isso que você quer dizer? Porque eu tenho vida própria. Trabalho no SEBRAE há 25 anos. Passei 18 anos como coordenador regional do SEBRAE para o Vale do São Francisco. Fui desligado da gerência há dois anos. Ganhei quatro títulos de cidadão, de Petrolina, Orocó , Cabrobó e Santa Maria da Boa Vista. Antes eu só tinha enfrentado eleição para o diretório acadêmico da faculdade de administração. Mas ser candidato a vice não ter nada a ver por ser primo de Ivete. Eu acho que sou a primeira pessoa da família dela que entra na política. É um gesto muito nobre entrar na política. Isso agrega para ela, por eu ser o único da família na política. Agora o axé-music não me agrega em nada. Amo Ivete como uma irmã. A gente foi criado junto. Mas não tem nada a ver alho com bugalho. Ela desenvolve muito trabalho social. E não divulga isso. Ela é uma pessoa humana, maravilhosa. 
 
iG – Mas ela está ajudando a sua campanha de alguma forma? Há informação de que ela teria disponibilizado um trio elétrico... 
DOMINGOS  Ivete não tem nada a ver com minha campanha. Não procede isso. Ela sabe que eu entrei para a política porque eu falei para ela. Ivete está toda orgulhosa disso. E só. Ela não vai entrar em política partidária. 
  
iG – As pessoas na sua cidade sabem que o senhor é primo de uma das cantoras mais famosas do Brasil? Isso contribui para atrair a simpatia do eleitor?
DOMINGOS  As pessoas sabem até porque eu nasci aqui, ela nasceu aqui. Fomos criados juntos. Nossas mães tiveram que atravessar a ponte para ter filho em Juazeiro. É mais seguro. E é assim até hoje. Só que Ivete e uma parte da família saíram daqui de Juazeiro. Ivete, por exemplo, é cancão. É o nome de um pássaro que ficou sendo o apelido da nossa família. Desculpe ter sido ríspido no início desta reportagem. É que eu não gosto de ficar contando essas coisas. Toda vez querem me entrevistar por isso (por ser primo de Ivete). E eu sempre digo que ela é que é minha prima. Nasci primeiro. Eu estou em Petrolina há 44 anos.  Eu quero falar do que eu já fiz pela minha cidade
.  
iG – E o que o senhor já fez por Petrolina?
DOMINGOS  A gente transformou as adversidades do solo em recursos. No SEBRAE, tive a oportunidade de ajudar a trazer desenvolvimento e inovação para a ovinocaprinocultura, a agricultura irrigada, o comércio e para o turismo também. Petrolina é uma cidade muito ousada e metida, no bom sentido
.  
iG – O que o senhor pretende fazer se chegar à prefeitura, com Lóssio?
DOMINGOS - Vamos aumentar o mercado de fruta brasileiro. Abrir o mercado da fruticultura nordestina. Isso é um dos nossos itens do programa de governo. Criar um escritório na Europa para facilitar a exportação dos pequenos produtores através das suas cooperativas. Também temos um projeto especial para o turismo rural e o turismo relacionado às nossas vinícolas. Temos consciência que o Vale do São Francisco precisa tratar suas oportunidades não individualmente por cidade, mas pelo conjunto das cidades vizinhas. É preciso que haja uma parceria. Temos instrumentos legais para isso. Vamos falar com os prefeitos das cidades vizinhas para traçar um plano de desenvolvimento para a região.
   
iG – Como está sua atuação como vice?
DOMINGOS  Eu tenho uma grande sintonia com Júlio. 70% do tempo de Júlio ele está trabalhando em algum local e eu estou em outro. E 30% da nossa agenda são conjuntas. Os principais problemas de Petrolina são saúde e emprego. O fato de não sermos políticos tradicionais, que estão no cenário há muito tempo, traz renovação para o povo. A população entendeu bem e rapidamente esse aspecto. E isso se reflete nas pesquisas.
  
iG – O seu principal adversário, Gonzaga Patriota (PSB), tem como principal cabo-eleitoral o presidente Lula, que esteve em Petrolina recentemente e gravou para o Horário Eleitoral do socialista. Qual é o impacto desse apoio na sua campanha? 
DOMINGOS – O Lula até onde eu sei não vota em Petrolina. Petrolina tem demonstrado que esse tipo de sugestão não cola e não se deixa influenciar por isso. O destino de Petrolina é quase que fadado ao sucesso. O presidente vai trazer as coisas para cá porque o trabalho dele é esse. O que a gente precisa é de gestores públicos e é isso o que a população vai avaliar. A população que políticos que possam otimizar com inovação e responsabilidade.

9 comentários:

Adriana disse...

Grande Domingos Savio! Atualmente moro em São Luis / MA como lhe disse no dia em que nos encontramos no "Pirão de Bode" da cohab em agosto, mas mesmo de longe, estamos em grande torcida por voce e o simpatico Dr. Julio Lócio, pois acreditamos muito na nova forma de fazer politica que voces representam! Um carinhoso abraço! Luis Rio

Adriana disse...

Grande Domingos Savio! Atualmente moro em São Luis / MA como lhe disse no dia em que nos encontramos no "Pirão de Bode" da cohab em agosto, mas mesmo de longe, estamos em grande torcida por voce e o simpatico Dr. Julio Lócio, pois acreditamos muito na nova forma de fazer politica que voces representam! Um carinhoso abraço! Luis Rio

Anônimo disse...

GENTE KD A LISTA DAS SEÇOES E ZONAS ELEITORAIS RESPECTIVAMENTE DA CIDADE. GRANDE FALTA ESTA FAZENDO.

Anônimo disse...

Com o reajuste do subsídio, o salário de Júlio Lóssio será de R$ 12,5 mil. Hoje, o salário do prefeito é R$ 9,2 mil.

Os adversários do prefeito não perdem a oportunidade de fustigá-lo, com cobranças de austeridade.

"Tá na hora de perguntar a Júlio Lóssio: Se ele vai aceitar esse aumento de R$ 3 mil em seu salário? Também se ele vai doar à pobreza a quem ele jurou ter tanta compaixão? ", questionam.

Por fim, mas não menos importante:

"Tá na hora de perguntar também se ele vai manter o contrato da clínica dele com a prefeitura, que dá um rendimento entre R$ 80 mil a R$ 120 mil mensais?".

Anônimo disse...

Posição confortável
O prefeito eleito de Petrolina, Júlio Lóssio (PMDB), prefere não emitir opinião sobre o seu aumento salarial de R$ 9,2 mil para R$ 12,5 mil. Diz que essa é uma discussão que cabe ao atual gestor, mas rearfima o sua posição de não provocar novos aumentos durante o seu mandato. “Agora terei que respeitar a decisão dele (Odacy Amorim - PSB)”, disse.
Jornal Folha de Pernambuco

Eduardo disse...

Caros amigos.

Chegamos em Petrolina de mudança há 04 semanas e compramos um armário Itatiaia de metal para a cozinha na loja Ricardo Eletro do River Shopping. No entanto, a loja além de não entregar a mercadoria agindo de má fé, fica nos enrolando de forma salafrária mesmo a gente tendo pago adiantado; armário, frete e montagem. É inadimissível que a pessoa venha para esta cidade pra ser roubada dessa forma. Sabemos que os verdadeiros petrolinenses são honestos e trabalhadores como nós! Sendo assim, entraremos com os recursos cabíveis e esta denúncia seguirá para a polícia e todos os veículos de comunicação que pudermos contactar. Qualquer detalhe a mais sobre o ocorrido, entrar em contato comigo. eduraco@gmail.com

silvana disse...

querido prefeito de petrolina
-eu só queria saber o porque que o senhor tirou nós garii do paque josepha coelho.Nós somos mães e pais de familia dependemos de nosso emprego tanto nós e a nossa familia,e agora que saimos de lá do parque nem sebemos como sustentar nossa familia.
-Eu silvana tenho 6 filhos para criar e meus filhos dependem deste empregoe agora oque será de mim e meus filhos?? pense...
sem essi emprego???nem so eu e tbm meus cologas e trabalhos.EU silvana sai do parque tão angustiada pq fiuu despedida do meu emprego querido,eu meus colegas de trabalho saimos de la tão triste ate chora nois chorou julio.julio locio se você for um prefeito de verdade nessa cidade coloque os gari lá de novo no seu emprgo por favor julio é isso que te pesso.por favor pense...tudo isso aconteceu so por causa da sua redução rapa'z la no parque.por favor julio coloque eu silvana e meu colegas:gilson,francisca e edivam no nosso emprego.
Estamos emperando sua resposta

silvana disse...

JULIO POR FAVOR JULIO LOCIO COLOQUE NOS DE VOTA NO NOSSO EMPREGO QUERIDO MOSTRE QUII VC ATENDE OS PEDIDOS DO POVO PETROLINENSE!! TII PEÇO MAIS UMA VEZ

Anônimo disse...

DINHEIRO NO LIXO!!!!

RECEBI 04 (QUATRO) CARNÊS DE IPTU CORREEPONDENTE AO MESMO IMÓVEL.FALEI COM ALGUNS COLEGAS E OS MESMOS DISSERAM QUE TAMBÉM HAVIAM RECEBIDO MAIS DE UM NAS AS SUAS RESIDÊNCIAS CORRESPONDENTE AO MESMO IMÓVEL.QUE DESORGANIZAÇÃO!!!